Anuncio
Fim de Lázaro

Lázaro Barbosa morre em troca de tiros com a polícia em Goiás

O homem que ficou conhecido como serial killer do Distrito Federal foi finalmente capturado após 20 dias em fuga na zona rural de Goiás.

28/06/2021 10h28Atualizado há 3 semanas
Por: Edição Paula Andréas
Fonte: Flhapress
725

Lázaro Barbosa, 32 anos, acusado de matar quatro pessoas de uma mesma família em Ceilândia e provocar terror em Goiás e Brasília, foi morto em troca de tiros com a polícia na manhã desta segunda-feira (28/6), em Águas Lindas de Goiás. Ele era procurado há 20 dias.

Policiais comemoraram a prisão. Imagens mostram o fugitivo ferido e sendo levado para o hospital. Ele chegou a ser colocado em uma ambulância, mas ele acabou morrendo. Vídeo postado em redes sociais mostra o momento em que Lázaro é carregado por agentes de segurança e transferido para uma ambulância. "Porra! Acabou!", gritaram os policiais.

A Secretário de Segurança de Goiás, Rodney Miranda, afirmou que Lázaro foi levado com vida para atendimento médico e morreu em decorrência dos ferimentos após confronto com a polícia.

"Ele foi socorrido com vida, mas, chegando ao hospital, foi a óbito. Descarregou uma pistola, possivelmente 380, em cima dos policiais", afirmou Miranda. O confronto ocorreu em Águas Lindas de Goiás (GO), no entorno de Brasília.

Uma megaoperação foi montada com o objetivo de capturá-lo, incluindo polícias estaduais de Goiás e do DF, e as polícias Federal e Rodoviária Federal. Foram mobilizados mais de 270 agentes de segurança.

Antes da confirmação da morte do criminoso, o governador de Goiás, Ronaldo Caiado, havia anunciado, pelas redes sociais, a prisão. 

 

Atualizada às 10h

O governador de Goiás, Ronaldo Caiado, confirmou agora há pouco que o foragido Lázaro Barboza foi preso. A publicação foi feita nas redes sociais de Caiado.

O homem que ficou conhecido como serial killer do Distrito Federal foi finalmente capturado após 20 dias em fuga na zona rural de Goiás. Lázaro, de 32 anos, é apontado como responsável pela morte de quatro pessoas da mesma família em Ceilândia, na região administrativa do Distrito Federal.

 

 

"Acabo de receber neste momento uma informação de que todas as forças de segurança que estão ali na região de Cocalzinho que o Lázaro foi preso", disse Caiado em um vídeo publicado nas redes sociais no 20º dia de buscas.

"Cumprimentar a todos aqueles que estão ali há vários dias trocando informações e chegando a este resultado final com a prisão do Lázaro", disse Caiado.

"Tá aí, minha gente, como eu disse, era questão de tempo até que a nossa polícia, a mais preparada do País, capturasse o assassino Lázaro Barbosa. Parabéns para as nossas forças de segurança. Vocês são motivo de muito orgulho para a nossa gente! Goiás não é Disneylândia de bandido", escreveu Caiado.

A captura ocorreu após a prisão do dono e de um funcionário de uma fazenda, ambos acusados de ajudar o foragido a se esconder. Espingardas foram apreendidas no local. Em uma das ocasiões em que Barbosa foi visto, afirmaram os policiais, ele carregava uma delas.

Desde o crime cometido no início deste mês em Ceilândia, cidade satélite de Brasília, ele vinha fugindo ao cerco policial se escondendo em chácaras e mata do cerrado. A polícia informou que ele caminhava dentro dos rios, para dificultar a ação dos cães farejadores.

Durante a fuga, segundo a polícia, Barbosa comentou uma série de novos crimes -- baleou moradores de uma chácara, fez de reféns em outra, roubou carros e armas. Trocou tiros com um funcionário de uma fazenda e também com policiais.

Uma megaoperação foi montada com o objetivo de capturá-lo, incluindo polícias estaduais de Goiás e do DF, e as polícias Federal e Rodoviária Federal. Foram mobilizados mais de 270 agentes de segurança.

Barreiras foram montadas nas rodoviais que levam a Cocalzinho, onde os policiais revistavam o interior de veículos e porta-malas, na suspeita de que o fugitivo pudesse ter coagido motoristas a transportá-lo.

Na investigação, foi confirmado que Lázaro adotou um nome de “Patrick” para usar a rede social e ter informações sobre a sua caçada.  

Foto: reprodução

 

Da Redação do Cidade Verde(Com informações da Folhapress)

Luzilândia - PI
Atualizado às 07h04
25°
Poucas nuvens Máxima: 34° - Mínima: 22°
25°

Sensação

13.6 km/h

Vento

59.9%

Umidade

Fonte: Climatempo
Ouvidoria da PML
Municípios
Anúncio
Últimas notícias
Ortoface
Kuriça Construções
Mais lidas
Fonoaudiologa Vivianne
Anúncio