Anuncio
Saúde

Enfermeiros entregam escalas no HUT por corte de gratificação; FMS remaneja profissionais

De acordo com o presidente da FMS, Gilberto Albuquerque, o corte na insalubridade por parte do Ministério da Saúde se deu pelo fato de os profissionais já estarem vacinados.

01/04/2021 20h42
Por: Edição Paula Andréas
Fonte: Cidade Verde
19
Foto: Roberta Aline
Foto: Roberta Aline

Pelo menos 12 enfermeiros que atuam na ala covid do Hospital de Urgências de Teresina (HUT) desistiram de suas escalas de plantão. Os profissionais alegam o corte nos salários. O presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), Gilberto Albuquerque, confirmou ao Cidadeverde.com que as baixas realmente aconteceram, no entanto, outros profissionais foram remanejados para o HUT.

O problema, de acordo com Gilberto Albuquerque, ainda é o corte da insalubridade extra que era paga pelo Ministério da Saúde.

“Antigamente eles recebiam uma gratificação extra covid e o Ministério da Saúde tirou. Tiveram 12 que desistiram da escala e eu mandei 20, pois pode ser que mais algum desista”, afirmou o presidente da FMS.

Ainda de acordo com o presidente, o corte na insalubridade por parte do Ministério da Saúde se deu pelo fato de os profissionais já estarem vacinados.

“Ainda é aquela briga dos 40% covid que no ano passado pagavam. Só que esse ano todo mundo está vacinado, então não justifica mais insalubridade extra, por isso que o Ministério da Saúde cortou”, declarou Albuquerque.

Segundo o presidente do sindicato dos Enfermeiros, Auxiliares e Técnicos em Enfermagem (Senatepi), Erick Riccely, muitos profissionais aguardavam que este mês sairia algum pagamento retroativo ao que foi cortado no contracheque. No início de março, a FMS chegou a informar que o prefeito Dr. Pessoa (MDB) havia autorizado o pagamento, com recursos próprios, do adicional de insalubridade de 40%.

"Alguns acreditaram que este mês a prefeitura fosse pagar alguma coisa que foi cortada", disse.

Enfermeiros, auxiliares e técnicos em Enfermagem chegaram a paralisar as atividades e protestar em frente à prefeitura de Teresina. 

A assessoria de comunicação do HUT garantiu que o hospital está funcionando normalmente e que os salários dos profissionais foram pagos em dia.

Hérlon Moraes/ Cidade Verde

Luzilândia - PI
Atualizado às 23h32
26°
Muitas nuvens Máxima: 31° - Mínima: 24°
28°

Sensação

8.1 km/h

Vento

91.8%

Umidade

Fonte: Climatempo
Ouvidoria da PML
Municípios
Sabóia Clínica Popular
Últimas notícias
Ortoface
Kuriça Construções
Mais lidas
Vidália Nutricionista
Maura Joias e Acessórios
Anúncio