Em relação à necessidade de reforma da Delegacia de Polícia da cidade, o secretário de Segurança Pública, coronel Rubens Pereira, confirmou que o local receberá melhorias em um prazo de 20 dias e que um plano de reforma para o prédio inteiro está em fase de análise no setor de engenharia.

Ao final, ficou deliberado que a SSP-PI elaborará um plano operacional integrado para conter o avanço da violência na região de Luzilândia, dentre outras providências, que incluem a instalação de sistema de monitoramento eletrônico por câmeras no município. Também serão agendadas reuniões com a Secretaria de Justiça do Estado e a Diretoria da Unidade de Administração Penitenciária (DUAP) e com a Promotoria de Justiça de São Bernardo (MA), cidade que faz conexão com Luzilândia, para a busca de soluções comuns.

Além disso, será instaurado novo procedimento administrativo, no âmbito da Promotoria de Justiça de Luzilândia, para acompanhar e impulsionar com maior brevidade os processos criminais em tramitação na Comarca de Luzilândia relativos a delitos de maior gravidade, além de fomentar ações do município que contribuam para a melhoria da segurança pública local.

Os delegados de polícia Marcelo Leal e João Marcelo, e o auditor fiscal João Luiz, do TCE, também participaram da videoconferência.