Anuncio
Maternidade

CCJ aprova parecer de Margarete Coelho para licença maternidade de 180 dias

Atualmente a Constituição determina a licença maternidade de 120 dias. Algumas empresas, inclusive, já adotam a licença estendida, fato que foi lembrado pela relatora da proposta

17/12/2019 23h48
Por: Edição Paula Andréas
137
Divulgação/Ascom
Divulgação/Ascom

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou um parecer da deputada federal Margarete Coelho (PP/PI) para uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que aumenta para seis meses o período de licença-maternidade (PEC 158/2019).

Atualmente a Constituição determina a licença maternidade de 120 dias. Algumas empresas, inclusive, já adotam a licença estendida, fato que foi lembrado pela relatora da proposta.

“Esse é um direito muito sensível, que não é só da mulher, mas é também da criança, de ter mais tempo e atenção da mãe e o direito à amamentação. Nada mais justo que isso seja universalizado para todas as trabalhadoras. Inclusive, algumas empresas e órgãos já adotam a licença de 180 dias”, destacou a piauiense.

A proposta é de autoria da deputada Clarissa Garotinho (PROS-RJ) e segue para análise em uma comissão especial na Câmara dos Deputados.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Luzilândia - PI
Atualizado às 09h04
31°
Poucas nuvens Máxima: 35° - Mínima: 24°
32°

Sensação

17.9 km/h

Vento

49.3%

Umidade

Fonte: Climatempo
Municípios
Maura Joias e Acessórios
Últimas notícias
Ortoface
Mais lidas
Kurica