Anuncio
Clima

Piauí possui zonas com exposição solar mais intensas do país

Os dados são do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e alertam para a forte intensidade dos raios do Sol prevista para o mês de setembro.

02/09/2019 00h24
Por: Edição Paula Andréas
Fonte: Cidade Verde
38
Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com
Foto: Roberta Aline/Cidadeverde.com

De acordo com o último levantamento da normal climatológica de insolação, o Piauí possui as zonas mais intensas de exposição a luz solar do Brasil. Os dados são do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) e alertam para a forte intensidade dos raios do Sol prevista para o mês de setembro.

O climatologista e pesquisador Werton Santos explica que a concentração se dá principalmente em duas áreas. “Observe [imagem abaixo] que temos manchas muito escuras no Piauí, que são as manchas mais concentradas em todo o território nacional, que indicam o maior número de horas sob exposição solar do país. Uma próxima a região do Vale do Longá e outra projetada entre Picos, Oeiras e Floriano”. 

Foto: Mapa Inpe/2019

As zonas mais intensas caracterizam cerca de 300 horas de exposição solar no mês (laranja escuro), enquanto as demais áreas possuem exposição média um pouco acima de 200 horas (tons mais claros de laranja).

Na região Norte do Piauí, a intensidade de insolação é maior em municípios das regiões dos Cocais e Tabuleiros Litorâneos. 

O aumento da temperatura já pôde ser verificado no mês de agosto, quando o Piauí teve altas temperaturas e a umidade do ar chegou a 15%.

Aquecimento global

O aumento da temperatura do planeta tem chamado a atenção de cientistas no mundo todo e deve ser alvo de preocupação principalmente em cidades e regiões onde há registros de altas temperaturas e de enchentes.

“Segundo os estudos do Painel Intergovernamental para Mudança Climática, vinculado à ONU, o aquecimento global vai se manifestar principalmente nessas áreas dos extremos de calor, com os extremos pluviométricos e com os extremos de estiagem, ou de seca. Você tem a possibilidade de secas mais severas, de temporais mais severos e a possibilidade de ter oscilações na questão térmica que deve, naturalmente, provocar extremo desconforto na população”, informou Werton.     

Foto:Marcelo Camargo/Agência Brasil

População deve reforçar cuidados, evitando se expor nos horários de maior intensidade, usando filtros solares e atentando para hidratação.                         

Intervenções

A escassez de chuvas em alguns locais deve gerar atenção para a problemática do abastecimento d'água. Para estes locais, o poder público deve aumentar a capacidade de armazenamento e tratamento d'água e melhorar a gerência de vazamentos e uso eficiente. Planos de arborização e regulamentação da construção civil, incluindo a construção de prédios verticalizados e das áreas de drenagem de água também devem ser levados em consideração na modelagem das cidades. 

 

Valmir Macêdo/Cidade verde

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Luzilândia - PI
Atualizado às 04h18
25°
Poucas nuvens Máxima: 37° - Mínima: 24°
25°

Sensação

19.3 km/h

Vento

76.9%

Umidade

Fonte: Climatempo
Dr. Saboia
Blogs e colunas
Portal da beleza acessórios
Últimas notícias
Natalia Financeira
Mais lidas
Ponto do Açaí
Kurica