Segunda, 19 de novembro de 2018
86 99956-1389
Piauí

05/11/2018 ás 20h06 - atualizada em 05/11/2018 ás 20h12

133

Edição Paula Andréas

Luzilândia / PI

Estado não tem recursos para pagar segunda parcela do 13ª salário, afirma secretário da Fazenda
“Sempre há um desafio no final do ano”, alertou o secretário. Porém, garantiu que o pagamento do valor é uma prioridade do governo de Wellington Dias
Estado não tem recursos para pagar segunda parcela do 13ª salário, afirma secretário da Fazenda
Secretário Rafael Fonteles afirmou que o Estado não tem recursos para pagar segunda parcela do 13ª salário (Foto: André Luis/OitoMeia)

Na tarde desta segunda-feira (05/11), o secretário de Fazenda do Piauí, Rafael Fonteles, afirmou em entrevista à TV Cidade Verde que o Governo do Estado ainda não tem reserva de recursos para realizar o pagamento da segunda parcela do 13ª salários do servidores públicos do Piauí, que é paga em dezembro.


No entanto, o secretário garantiu que o pagamento do valor é uma prioridade do governo de Wellington Dias. Para o secretário, essa realidade não é exclusividade do ano de 2018. “Sempre há um desafio no final do ano”, alertou. De acordo com Rafael Fonteles, toda a equipe econômica do Governo do Estado está trabalhando para que o 13ª seja pago na data prevista.


“Ainda não temos essa reserva, mas estamos trabalhando para ter. Nós temos uma tabela e queremos seguí-la fielmente. No ano passado foi muito difícil cumprir, muita gente não acreditou, mas nós conseguimos”, apontou. “Não temos essa reserva, mas temos confiança de que iremos honrar. É a prioridade do governador Wellington Dias e estamos lutando com toda equipe econômica com forte contingenciamento de despesa para priorizar o que é essencial”, explica.


De acordo com o secretário, a contenção de gastos é principal medida tomada pelo governo, no momento. “O governo trabalha para ‘enxugar’ uso da máquina administrativa, de forma que tem estudado forma de corte de qualquer despesa: com custos de combustível, locação de veículo, diárias, passagens aéreas, contrato de terceirizados, de consultoria ou os mais diversos possíveis”.


Fonte: Oitomeia

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium