Segunda, 19 de novembro de 2018
86 99956-1389
Política

05/11/2018 ás 19h20

36

Edição Paula Andréas

Luzilândia / PI

Evaldo Gomes se reúne com presidente do Podemos e fica a um passo de mudar de partido
Segundo o deputado estadual, há 90% de chance de integrar o partido do senador Elmano Férrer.
 Evaldo Gomes se reúne com presidente do Podemos e fica a um passo de mudar de partido
Evaldo Gomes em entrevista à imprensa nos corredores da Alepi (Foto: Lucas Sousa/Portal AZ)

Depois de dar por encerrada articulação para integrar o Solidariedade, o deputado estadual Evaldo Gomes (PTC-PI) flerta com o Podemos, representado pelo senador Elmano Férrer no Estado. Por intermédio do congressista, Evaldo se reuniu com a presidente nacional do Podemos, Renata Abreu, para tratar do assunto.


O encontro aconteceu da manhã desta segunda-feira (05) e, ao final, Gomes – que preside o PTC no estado, mostrou-se otimista na concretização da mudança. Segundo ele, há mais de 90% de chance de ir para o Podemos.


“Teremos conversa com o executiva [do PTC], mas se não ocorrer a fusão, existe uma possibilidade muito grande de estarmos no Podemos, mais de 90% de chance. O Podemos é um partido ficha limpa, com lideranças importantes e constrói a nível nacional. Temos que pensar no que é melhor para o Piauí”, declarou Evaldo.


Elmano também disse acreditar na concretização da união. 


“A união com o PTC é possível. Temos afinidade desde 2010, quando passamos pela Prefeitura. Estamos construindo um partido com grandes líderes. Contamos com a habilidade da deputada Renata para um partido que está crescendo. Devemos ter um aumento do número de senadores, deputados federais e estaduais. Estamos fortalecendo o partido no estado do Piauí, sobretudo no âmbito nacional”, ressaltou o senador.


Gomes esteve acompanhado de dois correligionários: a deputada federal eleita Dr. Marina e o marido dela, o médico e ex-prefeito (de Novo Oriente, Piauí) Marcos Vinicius.



 O piauiense José Amauri (último à direita), suplente de senador pelo Podemos, também compareceu (Foto: Divulgação)


A busca por migração é motivada pela Cláusula de Barreira. O PTC é uma das 14 siglas que não atingiram o que estabelece a medida e por isso estará fadado à extinção, já que não terá mais acesso à estrutura dentro do Congresso, como espaço físico e funcionários para lideranças, nem acesso ao fundo partidário ou tempo gratuito de Rádio e TV para as campanhas eleitorais.


Para ter acesso a tudo isso o partido teria de eleger, pelo menos, nove deputados em nove unidades diferentes da federação ou obter 1,5% do total de votos na Câmara com pelo menos 1% dos votos em cada unidade da federação.


Serão extintas as seguintes legendas: Rede, Patriota, DC, PCdoB, PCB, PCO, PMB, PMN, PPL, PRP, PSTU, e PTC.


Fonte: PortalAz

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium