Sexta, 19 de outubro de 2018
86 99956-1389
Brasil

12/10/2018 ás 10h58

15

Edição Paula Andréas

Luzilândia / PI

Economist volta a chamar Bolsonaro de ameaça
Há poucas semana, a publicação classificou o candidato do PSL como "a mais recente ameaça da América Latina".
Economist volta a chamar Bolsonaro de ameaça

(FOLHAPRESS) - Em artigo publicado nesta quinta-feira (11), a revista The Economist afirmou que Jair Bolsonaro representa uma ameaça para o Brasil e para América Latina.


"Em vez de um flashback para 1964 [ano em que os militares tomaram o poder no poder], Bolsonaro representa uma ameaça mais insidiosa ['traiçoeira']. Ele expressa visões extremas. Ele disse que a ditadura errou em 'torturar em vez de matar'. Ele quer que a polícia mate mais 'criminosos', e quer liberar a posse de armas", diz trecho do texto.


Há poucas semana, a publicação classificou o candidato do PSL como "a mais recente ameaça da América Latina". No editorial que repetia a manchete, a publicação afirmou que "ele seria um presidente desastroso".

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium