Segunda, 16 de julho de 2018
86 99956-1389
Luzilândia

04/04/2018 ás 20h47 - atualizada em 04/04/2018 ás 21h51

173

Redação

Luzilândia / PI

Promotor instaura inquérito civil para investigar ex-prefeita Ema Flora
O promotor considerou o acórdão nº 3.341/2016, oriundo do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) apontando irregularidades na prestação de contas do município de Luzilândia, correspondente ao exercício de 2014.
Promotor instaura inquérito civil para investigar ex-prefeita Ema Flora
Foto: Paula Andreas

O Ministério Público do Estado do Piauí, por meio do Promotor de Justiça Maurício Verdejo G. Júnior, instaurou um inquérito civil com o objetivo de investigar possíveis irregularidades na gestão da ex-prefeita de Luzilândia, Ema Flora Barbosa de Souza. A portaria foi publicada nesta quarta-feira (4) no Diário Oficial Eletrônico do MP.


O promotor considerou o acórdão nº 3.341/2016, oriundo do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI), apontando irregularidades na prestação de contas do município de Luzilândia, correspondente ao exercício de 2014.


Nesse julgamento realizado pelo TCE-PI foram encontradas irregularidades referentes as falhas em Prestação de Contas, nas contas de governo, relativa a abertura de créditos adicionais e gasto com pessoal acima do limite legal e nas contas de gestão, ausência de licitação em relação a aquisição de material de construção.


O promotor determinou que notificasse a ex-prefeita Ema Flora para que preste esclarecimentos, no prazo de 20 dias, sobre as irregularidades apontadas no processo TC no 015431/2014 – Tribunal de Contas do Estado do Piauí, encaminhando com cópia do voto do referido processo.


Procurada nesta quarta-feira (4), a ex-prefeita não foi localizada para comentar o caso. O portal deixa o espaço aberto para quaisquer esclarecimentos.


Fonte: RevistaAZ

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

0 comentários

Veja também
Facebook
© Copyright 2018 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium